PT
Pesquisa
Um projecto da Fundação Rui Osório de Castro


Medicamento inovador contraria os seus próprios efeitos secundários
2012-06-18
Fonte: Diário da Saúde

Cientistas dinamarquesas criaram um fármaco inovador que impulsiona o organismo a contrariar os próprios efeitos colaterais do medicamento decorrentes dos tratamentos de doenças graves, como o cancro, crónicas ou autoimunes.

As pesquisadoras da Universidade de Aarhus, na Dinamarca, concluíram sobre os benefícios de uma molécula desenvolvida especificamente para tratar muitas doenças graves, crónicas ou autoimunes, que contém, na sua composição, compostos esteroides glicocorticoides.

Análises efetuadas com cobaias de laboratório permitiram verificar que este medicamento inovador incita os esteroides glicocorticoides a atingirem apenas as células-alvo, eliminando assim a probabilidade de gerar efeitos secundários nos tecidos e células saudáveis.
 
Notícias relacionadas


voltar
STQQSSD
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31
 
 
 
 
25 Janeiro
A próxima reunião científica do Centro de Investigação em Meio Ambiente, Genética e Oncobiologia...
21 Fevereiro
No dia 21 de fevereiro, o Auditório Biblioteca Orlando Ribeiro, em Lisboa, recebe o Fórum Cancro...
22 Fevereiro
O Fórum Cancro Pediátrico 2018 realiza-se no dia 21 de fevereiro, em Lisboa. A iniciativa é...
banner
© 2018PIPOP - Todos os direitos reservados.