PT
Pesquisa
Um projecto da Fundação Rui Osório de Castro


Batalha contra o cancro passará por torná-lo numa doença crónica
2012-05-03
Fonte: Folha de São Paulo

Siddhartha Mukherjee, oncologista indiano que lançou recentemente a obra “O Imperador de Todos os Males: Uma Biografia do Cancro”, sublinha que a atual problemática no combate ao cancro reside na sua forte resistência aos tratamentos, motivo pelo qual defende que, num futuro próximo, a batalha contra esta doença estará ganha quando a medicina a puder classificar como doença crónica.

Apesar dos avanços que têm sido feitos nos últimos anos na área do cancro, há ainda muito para conhecer e compreender no que diz respeito a esta doença devastadora, nomeadamente ao nível da tecnologia de tratamento.

Siddhartha Mukherjee, também investigador da Universidade Columbia, nos Estados Unidos, argumenta na sua obra que, equacionando um cenário positivo, a solução poderá estar em tratar o cancro “como uma doença crónica”. Para o oncologista, o cancro não se assume como uma única doença mas sim como um conjunto de patologias que requerem diferentes tratamentos, dependendo do tipo de tumor.

Seguindo esta linha de raciocínio, o cientista explica que uma aposta forte em novas formas de prevenção do cancro, já que a doença surge associada ao processo de reprodução das células humanas, pode tornar a doença menos resistente.
 
Notícias relacionadas


voltar
STQQSSD
 
 
 
 
 
 
1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30
 
 
 
 
 
 
26 Abril
A 25.ª edição do Porto Cancer Meeting está agendada para os dias 26 e 27 de abril, subordinada ao...
09 Maio
De 9 a 11 de maio, realizam-se as XIX Jornadas de Pediatria de Évora, subordinadas ao tema...
10 Maio
O 3.º Congresso Internacional da Associação Portuguesa de Investigação em Cancro (ASPIC) realiza-se...
banner
© 2018PIPOP - Todos os direitos reservados.