PT
Pesquisa
Um projecto da Fundação Rui Osório de Castro


Antidepressivo promissor como tratamento oncológico
2012-03-26
Fonte: Science Daily

Um antidepressivo combinado com um medicamento derivado de vitamina A poderia ser usado para tratar um sub-tipo raro de leucemia mieloide aguda (LMA).

Pesquisadores do Instituto de Pesquisa Oncológica, nos Estados Unidos, estão a trabalhar para descodificar o potencial dos retinoides (derivados de vitamina A) para tratar pacientes com LMA. Num artigo publicado na revista Nature Medicine, os cientistas sugerem que a combinação de retinoides e um antidepressivo designado por tranilcipromina (TCP) poderia ser eficaz.

"Os retinoides já transformaram um tipo raro de leucemia fatal numa doença curável” e a ideia é encontrar uma maneira de aproveitar estes compostos para o tratamento de mais tipos comuns de leucemia, revela o autor do estudo.

"Até agora, tem sido um mistério porque motivo outras formas de LMA não respondem a este fármaco. O nosso estudo revelou que há um bloco molecular que pode ser revertido com um segundo medicamento que já é comummente utilizado como um antidepressivo. Pensamos que esta é uma estratégia muito promissora", explicou.

O retinoide estimula as células de leucemia a amadurecerem e morrerem naturalmente. A equipa pensa que as células deste subtipo de leucemia podem responder a este composto devido à existência de genes que normalmente são desligados pela sua ação.

Através de uma colaboração com a Universidade de Münster, na Alemanha, a equipa já deu início à Fase II de testes clínicos com a combinação destes medicamentos em pacientes com leucemia mieloide aguda.
 
Notícias relacionadas


voltar
STQQSSD
 
 
1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30
 
 
 
banner
© 2017PIPOP - Todos os direitos reservados.