PT
Pesquisa
Um projecto da Fundação Rui Osório de Castro


Análise ao sangue pode detectar células cancerígenas ao fim de três horas
2011-09-11
Fonte: Medical News Today

Uma tecnologia recente acaba de ser desenvolvida no Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), nos Estados Unidos, com o intuito de assegurar um diagnóstico muito precoce do cancro, através de um simples exame ao sangue.

A detecção de elevados níveis de microRNA - segmentos responsáveis por activar e desactivar as células cancerígenas -, através de uma simples análise ao sangue, poderá detectar a existência de tumores em apenas três horas. O sistema desenvolvido pelos cientistas norte-americanos permite detectar variações anormais de microRNA no organismo, e utiliza partículas de hidrogel com um tamanho muito reduzido. 

Em contacto com o sangue, a substância atrai o microRNA até ao seu ADN e, com o auxílio de uma sonda fluorescente e de um scanner de microfluídos, os investigadores conseguem identificar a quantidade exacta de microRNA presente no organismo. 
 
Notícias relacionadas


voltar
STQQSSD
 
 
 
1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28
 
 
 
 
24 Fevereiro
O 4.º Seminário de Oncologia Pediátrica, organizado pela Fundação Rui Osório de Castro, realiza-se...
15 Março
O III Congresso Internacional de Imagem Médica e Radioterapia realiza-se em Castelo Branco, entre...
16 Março
O Núcleo Regional do Centro da Liga Portuguesa Contra o Cancro irá organizar, em Coimbra, no dia 16...
banner
© 2018PIPOP - Todos os direitos reservados.