PT
Pesquisa
Um projecto da Fundação Rui Osório de Castro


Dietas alimentares ricas em alimentos processados na adolescência aumentam risco de cancro da mama
2017-03-14
Fonte: Science Daily

Uma pesquisa realizada nos Estados Unidos concluiu que a má alimentação entre as raparigas durante a adolescência aumenta significativamente o risco de cancro da mama na idade adulta.

O estudo da Universidade da Califórnia sugere que as mulheres que tiveram maus hábitos alimentares na adolescência têm um maior risco de ter cancro da mama antes da menopausa.

Os investigadores avaliaram dados de 45 204 mulheres ao longo de 22 anos e sublinham que a probabilidade de ter cancro da mama é 41% mais elevada entre as que consumiram dietas pró-inflamatórias na adolescência, ou seja, que tiveram uma alimentação pobre em vegetais e rica em alimentos processados, como refrigerantes, açúcar e carnes.

Karin B. Michels, líder do estudo, conclui que os dados apurados “sugerem que uma alimentação habitual que promova a inflamação crónica quando consumida durante a adolescência ou quando se é jovem adulto poderá fazer aumentar o risco de cancro da mama em mulheres mais jovens antes da menopausa".
 
Notícias relacionadas


voltar
STQQSSD
 
 
 
1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28
 
 
 
 
24 Fevereiro
O 4.º Seminário de Oncologia Pediátrica, organizado pela Fundação Rui Osório de Castro, realiza-se...
15 Março
O III Congresso Internacional de Imagem Médica e Radioterapia realiza-se em Castelo Branco, entre...
16 Março
O Núcleo Regional do Centro da Liga Portuguesa Contra o Cancro irá organizar, em Coimbra, no dia 16...
banner
© 2018PIPOP - Todos os direitos reservados.