PT
Pesquisa
Um projecto da Fundação Rui Osório de Castro


Escassez de ensaios clínicos em Portugal deve-se à falta de incentivos e desvalorização dos investigadores
2016-11-10
Fonte: Lusa

A falta de incentivos e a reduzida valorização profissional dos investigadores têm contribuído para a escassez de ensaios clínicos em Portugal.

As conclusões surgem do estudo “Ensaios Clínicos em Portugal: Consensos e Compromissos”, da Escola Nacional de Saúde Pública, divulgado esta quarta-feira, que foi elaborado por um grupo de peritos com o objetivo de “identificar pistas para alcançar maior cooperação nacional e maior competitividade internacional” na área dos ensaios clínicos. 
 
A pesquisa identificou assim a falta de incentivos e a pouca valorização dada ao investigador como os principais constrangimentos e desafios na área dos ensaios clínicos em Portugal, aos quais se juntam a reduzida visibilidade e a ausência de uma plataforma de divulgação.

Segundo os especialistas, a falta de orientação da gestão hospitalar para a investigação clínica e a constante derrapagem nos prazos legais de aprovação dos ensaios clínicos contribuem também para o seu reduzido número. 
 
A criação de centros de ensaio com uma gestão e infraestruturas orientadas para apoiar e conduzir ensaios clínicos e a implementação de estratégias para melhorar a taxa de recrutamento e retenção surgem entre algumas das propostas aos problemas identificados.
 
O reforço da cooperação entre os principais intervenientes, a regulamentação dos incentivos para a participação dos profissionais envolvidos, a criação de uma agenda nacional para a investigação clínica e a uniformização da documentação foram outras das soluções apresentadas no trabalho.
 
Para os especialistas, é fundamental que o Ministério da Saúde reconheça “a importância dos ensaios clínicos em Portugal” e envolva o doente em todo o processo, promovendo a sua literacia em investigação clínica.

Neste âmbito, sugerem os especialistas, a tutela deve assumir um papel crucial no que diz respeito à identificação das áreas de excelência e à sua divulgação internacional, bem como na definição de áreas prioritárias e estratégicas para investir em investigação clínica e na determinação dos critérios para a criação dos centros de investigação e para a definição dos indicadores de desempenho. 
 
Notícias relacionadas


voltar
STQQSSD
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31
 
 
 
 
24 Outubro
Entre os dias 24 e 26 de outubro realiza-se, Centro de Congressos do Estoril, o 19.º...
25 Outubro
Entre os dias 25 e 27 de outubro, a Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos e o IPO do...
16 Novembro
Entre os dias 16 e 19 de novembro, realiza em Quioto, no Japão, o 50.º Congresso da Sociedade...
banner
© 2018PIPOP - Todos os direitos reservados.