PT
Pesquisa
Um projecto da Fundação Rui Osório de Castro


Insónia e fadiga são comuns em doentes com cancro
2011-08-15
Fonte: Reuters

Mais de 50% dos doentes com cancro sofrem de sintomas de insónia durante o tratamento, e para alguns, os problemas do sono podem persistir até meses depois.

Descobertas recentes apontam para o facto de que as dificuldades em dormir, incluindo sintomas de insónia, são um grande problema para doentes com cancro, motivo pelo qual os cientistas aconselham os doentes a comunicarem ao médico quaisquer alterações sofridas nesse âmbito, antes que estas se tornem graves.

Pesquisadores do Centro de Investigação de Cancro da Universidade do Quebec, no Canadá, avaliaram mil doentes tratados com cirurgia contra o cancro para averiguar os efeitos dos tratamentos, nomeadamente o grau de cansaço e fadiga reportado.

Os cientistas lembram que só nos últimos anos é que o sono tem sido reconhecido como um
problema para doentes com cancro e recordam que essa mudança de perspectiva surgiu precisamente com o aumento do número de sobreviventes.

Nesse sentido, os especialistas defendem a adopção de práticas e exercício de relaxamento que permitam ao doente manter uma perspectiva positiva durante o tratamento, como ioga e técnicas que podem ajudar a evitar alguns desses sintomas.
 
Notícias relacionadas


voltar
STQQSSD
 
 
1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30
 
 
 
banner
© 2017PIPOP - Todos os direitos reservados.