PT
Pesquisa
Um projecto da Fundação Rui Osório de Castro


Sobreviventes de cancro durante a infância têm maior risco de hipertensão
2011-08-09
Fonte: CardioValens

A hipertensão é um dos efeitos secundários tardios que afecta os sobreviventes de cancro pediátrico. A conclusão surge de uma análise de estudos já realizados que mostra que as pessoas que sobrevivem a um cancro na infância têm risco acrescido de virem a sofrer do problema.

Uma pesquisa do Hospital de Oncologia Pediátrica, em Vancouver, no Canadá, concluiu que a hipertensão surge entre o grupo de efeitos secundários tardios que mais acometem os sobreviventes de cancro pediátrico, depois de avaliar dados clínicos de sobreviventes diagnosticados com cancro e tratados com quimioterapia quando tinham entre 5 e 10 anos.

A avaliação identificou uma prevalência de 17% de casos de hipertensão não diagnosticados em sobreviventes de cancro pediátrico que não tinham excesso de peso, independentemente da idade em que foi feito o diagnóstico.

De acordo com os autores da pesquisa, os resultados obtidos sugerem a necessidade de um acompanhamento mais focado numa avaliação do risco de hipertensão neste grupo de doentes.
 
Notícias relacionadas


voltar
STQQSSD
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31
 
 
 
 
24 Outubro
Entre os dias 24 e 26 de outubro realiza-se, Centro de Congressos do Estoril, o 19.º...
25 Outubro
Entre os dias 25 e 27 de outubro, a Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos e o IPO do...
16 Novembro
Entre os dias 16 e 19 de novembro, realiza em Quioto, no Japão, o 50.º Congresso da Sociedade...
banner
© 2018PIPOP - Todos os direitos reservados.