PT
Pesquisa
Um projecto da Fundação Rui Osório de Castro


Muitos pais resistem à ideia dos cuidados paliativos pediátricos
2015-02-19
Fonte: Jornal i

A Acreditar - Associação de Pais e Amigos de Crianças com Cancro explica que muitos pais mostram-se reticentes quando são confrontados com a possibilidade de os seus filhos doentes necessitarem de cuidados paliativos pediátricos.

Margarida Cruz, diretora da Acreditar, sublinha que “nem sempre é fácil para um pai ou para uma mãe encarar a possibilidade do seu filho entrar numa fase de cuidados paliativos”.

A responsável da Acreditar, que falava a propósito do Dia Internacional da Criança com Cancro, que se assinalou no passado domingo, 15 de fevereiro, considera que essa resistência resulta do facto de os pais considerarem que ao aceitar este tipo de cuidados estão “a desistir de lutar pela vida da criança”, contudo, ressalva que os especialistas da área “asseguram que estes tratamentos nem sempre significam cuidados de fim de vida”.

 
Notícias relacionadas


voltar
STQQSSD
 
 
 
 
 
 
1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30
 
 
 
 
 
 
26 Abril
A 25.ª edição do Porto Cancer Meeting está agendada para os dias 26 e 27 de abril, subordinada ao...
09 Maio
De 9 a 11 de maio, realizam-se as XIX Jornadas de Pediatria de Évora, subordinadas ao tema...
10 Maio
O 3.º Congresso Internacional da Associação Portuguesa de Investigação em Cancro (ASPIC) realiza-se...
banner
© 2018PIPOP - Todos os direitos reservados.