PT
Pesquisa
Um projecto da Fundação Rui Osório de Castro


Estudos na área das leucemias ganham Prémios Pfizer 2014
2014-12-11
Fonte: Observador

Os Prémios Pfizer de Investigação distinguiram, na edição deste ano, trabalhos sobre um novo mecanismo de controlo da divisão celular e as potencialidades de tratamentos de leucemias, com a atribuição de montantes no valor de 20 mil euros para cada categoria de investigação (Básica e Clínica).

A equipa liderada pelo investigador João Taborda Barata, do Instituto de Medicina Molecular da Universidade de Lisboa (IMM), foi distinguida na categoria de Investigação Clínica, enquanto as equipas lideradas pelos cientistas Hélder Maiato, do Instituto de Biologia Molecular e Celular da Universidade do Porto, e Henrique Veiga-Fernandes, também do IMM, foram premiadas na categoria de Investigação Básica. 

A equipa de João Taborda Barata descobriu uma nova forma de travar o desenvolvimento de um tipo de leucemia (tumor que afeta o sangue) frequente em crianças, a leucemia linfoblástica aguda de células T (LLA-T), com um fármaco, o que pode abrir caminho ao desenvolvimento de novos tratamentos nesta área. 

O composto PF-004777736 mostrou capacidade para inibir o gene CHK1, cuja atividade aumenta neste tipo de leucemia, induzindo a morte de células LLA-T, sem afetar as células saudáveis. O investigador João Taborda Barata considera que o gene CHK1 pode assumir-se como “um novo alvo molecular para potencial intervenção terapêutica em leucemia pediátrica”. 

Noutra área, o trabalho de Helder Maiato e da sua equipa estabelece um novo paradigma no controlo da divisão celular, ao revelar que a região central das células em divisão pode medir a posição dos cromossomas. O mecanismo atrasa um dos últimos passos da divisão celular – a formação de novos núcleos – a fim de garantir que os cromossomas são corretamente distribuídos entre as células-filhas. 

A equipa liderada por Henrique Veiga-Fernandes identificou, por seu lado, uma proteína, a RET, nas células estaminais da medula óssea e do cordão umbilical, que melhora o seu funcionamento, o que pode contribuir para o sucesso de transplantes em doentes com leucemias ou linfomas, garantindo uma eficácia terapêutica superior a dos métodos padrão. 

Os três trabalhos foram escolhidos num total de 72 projetos submetidos – 51 de Investigação Básica e 21 de Investigação Clínica. 
 
Notícias relacionadas


voltar
STQQSSD
 
 
 
 
 
1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31
 
 
 
 
 
 
22 Setembro
A 22 de setembro, a Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) irá organizar um evento onde a realidade...
25 Outubro
Entre os dias 25 e 27 de outubro, a cidade do Porto irá acolher o 18.º Congresso Nacional de...
26 Outubro
De 26 a 29 de outubro, decorrer o 14º Congresso Nacional de Oncologia, sob o tema “Oncologia na Era...
banner
© 2017PIPOP - Todos os direitos reservados.