PT
Pesquisa
Um projecto da Fundação Rui Osório de Castro


Veneno de cobra pode aumentar sobrevivência em doentes com cancro
2012-11-07
Fonte: Folha de São Paulo

Uma nova investigação realizada pelo Instituto Butantan, em São Paulo, no Brasil, revelou que uma toxina presente no veneno da cascavel pode aumentar em 70% a esperança de vida em doentes com cancro de pele, após os tratamentos.

Os investigadores isolaram a crotamina do restante do veneno e utilizaram a substância em cobaias com melanoma. A análise permitiu verificar que além de aumentar a sobrevivência, a toxina também retarda ou inibe o tumor.

Os autores consideram que a crotamina tem a mesma eficiência que outros fármacos anticancerígenos, mas garantem que é menos agressiva para o sistema imunológico do doente, pois o veneno tem uma menor probabilidade de provocar reações alérgicas e tem uma ação seletiva, atingindo apenas as células cancerígenas.
 
Notícias relacionadas


voltar
STQQSSD
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31
 
 
 
 
25 Janeiro
A próxima reunião científica do Centro de Investigação em Meio Ambiente, Genética e Oncobiologia...
21 Fevereiro
No dia 21 de fevereiro, o Auditório Biblioteca Orlando Ribeiro, em Lisboa, recebe o Fórum Cancro...
22 Fevereiro
O Fórum Cancro Pediátrico 2018 realiza-se no dia 21 de fevereiro, em Lisboa. A iniciativa é...
banner
© 2018PIPOP - Todos os direitos reservados.