PT
Pesquisa
Um projecto da Fundação Rui Osório de Castro


Criado método não-invasivo que detecta o cancro de forma precoce
2011-04-12
Fonte: The Voice of Russia

Um estudante russo desenvolveu um dispositivo único que ajuda a diagnosticar o cancro na sua fase inicial. O modelo assemelha-se a um scanner de ultra-som, mas é baseado noutros princípios físicos.

O novo método de diagnóstico do cancro, desenvolvido por Anton Ubaichin, autor do trabalho e estudante na Universidade de Tomsk, na Rússia, não é invasivo e não sujeita os órgãos internos à radiação, utilizando apenas a emissão electromagnética do corpo do doente como um parâmetro informativo, para determinar, por exemplo, indicadores da temperatura do organismo.

O cientista lembra que os métodos já existentes, tais como raio X e ultra-som, identificam apenas tecidos que sofreram mudanças estruturais, enquanto o novo exame abre caminho para diagnosticar a doença numa fase em que o tumor está numa fase de pré-desenvolvimento.

O diagnóstico é feito através da determinação da temperatura interna de uma pessoa, dado que as células cancerígenas recebem mais energia do que as saudáveis, emitindo, por sua vez, mais calor.

O reitor da universidade explica que se chegou à conclusão de que “algumas células enviam sinais de alarme na forma de calor excessivo, mesmo antes do cancro se formar.”

A universidade sublinha que vai demorar ainda algum tempo até que o dispositivo, patenteado sob o nome de "sistema radiométrico de diagnóstico precoce de doenças cancerígenas", possa ser produzido em massa, e que este está inserido num programa de colaboração com empresas para que seja testada a sua implementação no mercado.

 
Notícias relacionadas


voltar
STQQSSD
 
 
 
 
1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31
banner
© 2017PIPOP - Todos os direitos reservados.