PT
Pesquisa
Um projecto da Fundação Rui Osório de Castro


Cientistas na Austrália descobrem papel de proteína no neuroblastoma
2012-10-14
Fonte: The Kids Cancer Project

Dois cientistas australianos do Instituto St. Vincent de Melbourne acreditam ter identificado uma peça-chave sobre o tratamento contra o neuroblastoma – tipo de cancro que afeta o sistema nervoso simpático.

O neuroblastoma é um dos tumores malignos mais comuns na infância. Embora as crianças inicialmente respondam bem ao tratamento, tal como acontece em muitos outros cancros, a probabilidade de recidiva é muito elevada e os médicos têm tentado diversas estratégias que impeçam a imunidade das células cancerígenas ao tratamento.

A proteína LIMK2 regula os componentes importantes para a integridade estrutural das células e os níveis de LIMK2 identificados no tumor é um marcador importante que ajuda a prever a probabilidade de o cancro voltar, mas, até agora, os cientistas desconheciam de que modo a LIMK2 afetava a sensibilidade do cancro aos tratamentos.

Ora Bernard e Cristina Gamell mostraram que a LIMK2 é uma proteína essencial necessária para que as células parem de se dividir em resposta aos fármacos quimioterápicos, o que sugere que os tumores com níveis mais baixos da proteína LIMK2 são mais sensíveis ao tratamento.

A descoberta assume-se assim como uma oportunidade para novos tratamentos que possam ser capazes de superar a resistência do neuroblastoma nas crianças.
 
Notícias relacionadas


voltar
STQQSSD
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31
 
 
 
 
19 Janeiro
O 18.º Seminário do Centro de Desenvolvimento da Criança realiza-se nos dias 19 e 20 de janeiro, em...
25 Janeiro
A próxima reunião científica do Centro de Investigação em Meio Ambiente, Genética e Oncobiologia...
21 Fevereiro
No dia 21 de fevereiro, o Auditório Biblioteca Orlando Ribeiro, em Lisboa, recebe o Fórum Cancro...
banner
© 2018PIPOP - Todos os direitos reservados.