PT
Pesquisa
Um projecto da Fundação Rui Osório de Castro


IPO do Porto avalia prioridades na remarcação de consultas adiadas
2012-07-15
Fonte: TSF

O Instituto Português de Oncologia do Porto (IPO Porto) vai avaliar as melhores opções no que diz respeito à remarcação de consultas, a fim de evitar problemas de maior aos doentes que não conseguiram consultas devido à greve dos médicos.

Machado Lopes, diretor clínico da unidade de saúde, garante que o IPO do Porto fará agora uma análise das cerca de 2.000 consultas que estavam marcadas para os dias que coincidiram com a greve da classe médica e que tiveram de ser adiadas, a fim de garantirem a sua remarcação com base em critérios de prioridade.

Apesar das dificuldades inerentes à remarcação das 2.000 consultas, o responsável refere que os médicos farão uma avaliação cuidada dos doentes para rever os critérios, dando prioridade aos que estão no início do tratamento ou em primeira consulta, em detrimento dos que estão “em follow-up”.

Em declarações à TSF, Machado Lopes revelou ainda que os atrasos gerados nas consultas requerem “algum tempo para voltar à normalidade”.
 
Notícias relacionadas


voltar
STQQSSD
 
 
 
1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28
 
 
 
 
22 Fevereiro
O 26.º Encontro de Pediatria, organizado pela ASIC - Associação de Saúde Infantil de Coimbra,...
24 Fevereiro
O 4.º Seminário de Oncologia Pediátrica, organizado pela Fundação Rui Osório de Castro, realiza-se...
15 Março
O III Congresso Internacional de Imagem Médica e Radioterapia realiza-se em Castelo Branco, entre...
banner
© 2018PIPOP - Todos os direitos reservados.