PT
Pesquisa
Um projecto da Fundação Rui Osório de Castro
 
   
Linfomas

Os Linfomas desenvolvem-se nas células do sistema linfático (parte integrante do sistema imunitário que tem como função ajudar a combater doenças e infecções).

Os linfomas surgem quando ocorrem alterações genéticas durante a formação de uma célula, denominada linfócito. Por norma, este tipo de cancro ocorre apenas nestas células ou nos tecidos linfáticos (gânglios), mas pode desenvolver-se noutros órgãos como o estômago, os intestinos e a pele. Em alguns casos os linfomas podem ainda atingir a medúla óssea e o sangue (linfoma leucemizado).


Os linfomas podem ser classificados em dois grandes grupos:

Sinais e sintomas (gerais) de um Linfoma:

  • Gânglios linfáticos inchados (pescoço, axilas e virilhas);
  • Sensação persistente de fraqueza e cansaço;
  • Perda de peso súbita;
  • Febre sem causa infecciosa identificada;
  • Sudação (transpiração) abundante durante a noite, de forma continuada;
  • Tosse, dificuldade respiratória e/ou dor no peito;
  • Dor e sensação de inchaço no abdómen;
  • Perda de apetite e náuseas;
  • Alteração do número de glóbulos vermelhos, de glóbulos brancos e plaquetas.


voltar
STQQSSD
 
 
 
1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28
 
 
 
 
24 Fevereiro
O 4.º Seminário de Oncologia Pediátrica, organizado pela Fundação Rui Osório de Castro, realiza-se...
15 Março
O III Congresso Internacional de Imagem Médica e Radioterapia realiza-se em Castelo Branco, entre...
16 Março
O Núcleo Regional do Centro da Liga Portuguesa Contra o Cancro irá organizar, em Coimbra, no dia 16...
banner
© 2018PIPOP - Todos os direitos reservados.